George Soros e sua Manipulação Mundial
George Soros e sua Manipulação Mundial
17/09/2017
A Realidade sobre a Indústria das Vacinas
A Realidade sobre a Indústria das Vacinas
20/09/2017

O Clube de Bilderberg       

           Uma iniciativa à leitura do livro de Daniel Estulin, “A Verdadeira História do Clube Bilderberg”, que relata a manipulação global dos “Donos do Mundo”. Sim, estamos sendo manipulados e de formas que nem ao menos desconfiávamos. O Clube Secreto dos Poderosos, decide em uma reunião anual, uma série de medidas que põem em curso o processo para a completa escravidão mundial, através de crises, fome, guerras, entre tantas outras. A opinião pública, a política, a medicina, as guerras, tudo está nas mãos de Bilderberg. Seu objetivo real é debilitar as Soberanias Nacionais e criar um Governo Único em mãos privadas, a chamada Nova Ordem Mundial. Somente nos tornando pessoas conscientes de nós mesmas, poderemos lutar contra toda a manipulação que a sociedade vem sofrendo, e transformar a situação lamentável em que nos encontramos.

Clique na imagem para baixar o livro A Verdadeira História do Clube Bilderberg.

Baixe ou imprima o artigo completo Corpus Iuris 3 (2017) 3.17 O Clube de Bilderberg

    

         

  1. O Controle Mundial nas mãos de um Governo Oculto

Eles ditam o futuro da humanidade. Um governo invisível, “onipotente”, que toma os fios da sombra, que controla o governo dos Estados Unidos, a União Europeia, a OMS (Organização Mundial da Saúde), as Nações Unidas, o Banco Mundial, o Fundo Monetário Internacional e qualquer outra instituição similar. Bilderberg, o Clube Secreto dos Poderosos, decide em uma reunião anual como pôr em ação os seus planos maquiavélicos. Após suas reuniões, não são as soluções para os problemas globais que são executadas, e sim, a promoção de uma série de medidas que põe em curso o processo para a completa escravidão mundial, através de crises, da fome, das guerras, entre tantas outras.

  1. O Clube e seus Membros

O Clube de Bilderberg foi fundado em 29 de maio de 1954, através de uma proposta do conselheiro político polonês Joseph Hatinger, com o apoio de David Rockefeller e do príncipe Bernhard, da Holanda. A primeira reunião foi realizada no Hotel Bilderberg, em Oostenbeek, Holanda, dando o nome ao grupo. Além dos Rockefellers e da Família Real Holandesa, são membros os Rothschilds, a Família Real da Inglaterra, Henry Kissinger (ex-secretário de Estado – EUA), o investidor George Soros, entre outros.

Figura 1: David Rockefeller ( 1915-2017)

 

Os encontros reúnem em torno de 120 a 150 pessoas, consideradas personalidades-chave na política, executivos e presidentes de grandes corporações, representantes da OTAN, líderes da mídia e outras pessoas influentes a nível mundial. No local do evento, há um forte esquema de segurança a cargo de agentes norte-americanos e de países europeus, contando também com a polícia local. Seus convidados não podem revelar nada do que foi discutido no encontro; seguem a “Regra de Chatham House”, de 1927, que demanda sigilo absoluto por parte de cada membro da conferência sobre o conteúdo de conversas e declarações dos palestrantes. Neste ano de 2017, a conferência foi realizada de 1° a 4 de junho, na Virgínia, EUA.

Figura 2: Hotel Westfields Marriott, Chantilly, Virgínia (EUA), local do encontro do Clube de Bilderberg, 2017

 

Por que tanto sigilo sobre questões que envolvem toda a humanidade? Se fossem boas ações, sem sombra de dúvida, já teriam sido anunciadas aos quatro ventos… No entanto, qual é o segredo que nos escondem?

  1. O Objetivo de Bilderberg

Seu objetivo, na verdade, é debilitar as Soberanias Nacionais e criar um Governo Único em mãos privadas, a chamada Nova Ordem Mundial. O próprio David Rockefeller disse à ONU, no ano de 1999, que “Tudo o que era preciso, era uma grande crise para que o mundo aceitasse a Nova Ordem Mundial”.

Bilderberg é o Foro Mundial à sombra do poder mais importante que existe, porém há outros grupos compostos pela Elite Globalista, que desempenham um papel dentro do esquema da Nova Ordem Mundial.

Como por exemplo, a Comissão Trilateral, a Mesa Redonda, o CFR (Conselho de Relações Exteriores), o Clube de Roma, o Comitê dos 300, entre outros. Eles preferem levar a cabo suas gestões a favor do público em privado. “Os Donos do Mundo” não querem que ninguém tenha conhecimento de seus planos.

Para Bilderberg, o mundo é dividido em três classes de pessoas:

  1. As que planejam o que irá acontecer: núcleo responsável pelas decisões e planejamentos de ações a curto, médio e longo prazo;

  1. As que colocam em execução os planos: Comitê Diretivo de Bilderberg, responsáveis pela listagem de convidados às reuniões, pela agenda de temas que serão debatidos nas reuniões anuais, bem como os próprios debates e execução;

  1. O núcleo da população em geral, que nunca saberá o que acontece realmente.

  1. Um Livro Esclarecedor

O jornalista investigativo, Daniel Estulin, escreveu o livro “A Verdadeira História do Clube Bilderberg”, no qual desmascara a Nova Ordem Mundial. Seus relatos são baseados em evidências amplamente documentadas. O objetivo de Daniel Estulin é defender a intimidade pessoal e os direitos individuais, ou seja, a pedra angular da Liberdade. Estulin nasceu na Lituânia em 29 de agosto de 1966. Ele diz que sempre foi fascinado por mistérios e pela elucidação de crimes, e que contraiu o “vírus do espião” com o avô, que foi um coronel da KGB.

A Verdadeira História do Clube Bilderberg” documenta a história desumana da subjugação da população por parte de seus governantes. Tudo está contido no livro: a história do terrorismo promovido pelos governos, o atual controle da população através da manipulação e do medo, e os projetos futuros da Nova Ordem Mundial. A tática, repetidamente utilizada, consiste em submeter a população a uma forte situação de insegurança, angústia e terror, de maneira que peça aos gritos uma solução, seja qual for.

Figura 3: 1° Encontro do Clube de Bilderberg

 

O objetivo final deste pesadelo é um futuro que transformará a Terra em um planeta-prisão mediante um Mercado Único Globalizado, controlado por um Governo Mundial Único, vigiado por um Exército Mundial, regulado economicamente por um Banco Mundial (moeda única) e habitado por uma população controlada mediante microchips, cujas necessidades vitais se reduziriam ao materialismo e à sobrevivência: trabalhar, comprar, procriar e dormir, tudo conectado a um ordenador global que fiscalizará cada um de nossos movimentos. Além de tudo isso, a imposição de uma única religião – sincrética (mistura de crenças, religiões, filosofias ou visões do mundo), resultando em algo fictício que não conduz aos Princípios Verdadeiros de Deus, ou seja, afasta mais ainda o Homem do Criador.

  1. Os “Tentáculos” do Clube De Bilderberg

Os “Donos do Mundo” compram políticos, que vendem as riquezas de nossa Nação, destruindo-a de dentro para fora; criam ideologias esquerdistas; criam o Socialismo, não porque os Rockefellers e companhia sejam socialistas, e sim para controlar as pessoas e a concorrência (pois para eles o socialismo não é um sistema para redistribuir as riquezas, muito menos as suas próprias riquezas); criam leis que lentamente retiram os direitos e liberdades individuais; geram impostos abusivos; privatizam empresas estatais para comprá-las a preço de banana…

Criam crises atrás de crises para depois vir com a solução. Por exemplo: com a intenção de implantar microchips na população, introduzem sutilmente a ideia de que isto é necessário. É uma forma de manipulação de nossa conduta, no qual ganhamos algo que almejamos; porém em troca renunciamos (perdemos) a algo, principalmente a Liberdade.

No caso deste exemplo, promovem, então, uma onda de sequestros infantis para levar os pais a uma situação de insegurança e ansiedade tão terríveis, que eles mesmos solicitarão a implantação de microchips nas crianças, para tê-las permanentemente localizadas. Este é um dos passos para a Escravidão Total, com a cumplicidade total da imprensa mundial.

Bilderberg, através de institutos como Tavistock Institute e Stanford (colaboradores), tem utilizado os conhecimentos de Sigmund Freud, Burrhus Frederic Skinner, Noam Chomsky e Carl Gustav Jung, para realizar investigações e ensaios sobre o comportamento humano, influenciando na psicologia da população, para que esta reaja a seu favor, sem perceber que está sendo manipulada. Podemos verificar com assombro, que o povo tem se tornado cada vez mais obediente e submisso.

Ultimamente, por exemplo, podemos notar um aumento no incentivo ao Voluntariado, ou seja, ações e eventos, na maioria das vezes com a fachada do “Politicamente Correto”, nos quais pessoas se dispõem ao trabalho voluntário (como por exemplo, na Copa do Mundo – “circo”). Tais pessoas são elogiadas e “heroificadas” pela mídia. Tudo para dar a falsa sensação de “Altruísmo”, de “Caridade”, de “Generosidade”, até mesmo de “Amor ao Próximo”, etc. Porém, o objetivo real é a redução do mal-estar na sociedade provocado pelo desemprego, pela corrupção e por todos os demais crimes contra a população de bem; e assim prevenir os “distúrbios sociais”. Desta maneira, a população vai entrando na prisão aos poucos e pacificamente, sem perceber.

A mídia possui um papel fundamental em todo esse contexto. É ela que doutrina a população, inverte os fatos levando à subversão dos valores humanos. Até mesmo nos noticiários, os fatos são repassados de forma sutilmente tendenciosa, levando as pessoas a seguirem a linha de pensamento que eles querem. Como por exemplo, colocam os policiais como bandidos e os bandidos como heróis; traficantes como vítimas e o cidadão de bem que se defende como culpado; etc. São inúmeros os exemplos, pois a indústria da mídia está completamente subvertida. Isto também ocorre em toda indústria do entretenimento, como na música, cinema, televisão, rádio, redes sociais, etc.

Desta forma, a opinião pública já é de domínio completo dos “Donos do Mundo”. Isto porque os proprietários dos meios de comunicação em massa também fazem parte do Clube de Bilderberg. Como por exemplo, o empresário Rupert Murdoch, proprietário da Fox News Channel; o Fundador do Facebook, Mark Zuckerberg; as três mais prestigiosas cadeias de televisão dos EUA, a NBC, a ABC e a CBS, entre outras. Esta última possui 200 canais de televisão e 255 emissoras de rádio filiadas, como a MTV, Show Time, Nickelodeon, VHI, TNN, CMT, Paramount Pictures e Blockbuster Inc.

Durante quase quarenta anos o Washington Post, o New York Times, o Time Magazine e outros prestigiosos meios corporativos foram a nossos encontros, respeitando sua promessa de discrição. Seria impossível para nós desenvolver um plano para o mundo se tivéssemos estado submetidos à luz da opinião pública durante todos estes anos.” – David Rockefeller

  1. Transformando o Cenário

Todo esse cenário nos leva à procura de uma solução. Da mesma maneira que os poderosos estudaram a psicologia humana, também cabe a cada um de nós conhecer a nossa própria psicologia: “Conheces teu inimigo e conhece-te a ti mesmo”- Sun Tzu.

Todos nós alimentamos um governo escondido dentro de nós mesmos, que guia e controla nossos pensamentos, sentimentos e ações. Grande parte de nossos impulsos são movidos por vontades involuntárias e automáticas, o quem nem se quer percebemos. Tais impulsos, se originam dos conhecidos “Sete Pecados Capitais”, também chamados de “Agregados Psicológicos”. Estes agregados ocultos nos levam a cometer ações incorretas, que consequentemente nos geram sofrimento.

Portanto, em nossa vida diária, precisamos nos conhecer profundamente, para descobrir os inimigos dentro de nós, que nos levam ao erro e a delitos muitas vezes pequenos, os quais nem damos importância. Porém, nestes detalhes estão veladas as chaves do autoconhecimento. Então, vamos descobrindo que eles nos manipulam e escravizam de uma forma oculta.

O governo das sombras (Clube Bilderberg) age da mesma maneira, pois assim como é dentro, também é do lado de fora. Precisamos abrir nossas percepções para investigar e vencer o inimigo interno. O conhecimento sobre nós mesmos nos proporcionará a capacidade para perceber também o inimigo do lado de fora, conhecer seus pontos fracos e impedir que este avance. Somente nos tornando pessoas conscientes de nós mesmas, poderemos lutar contra toda a manipulação que a sociedade vem sofrendo.

Há aqueles que querem lutar, e como muito bem disse Daniel Estulin: “Merecem todo o apoio que possam receber. Merecem a chance de lutar e, se necessário, morrer por esta liberdade”.

Leia o livro e conheça melhor o que é esta organização criminosa chamada “Clube de Bilderberg”.

Força e Honra,

Adsumus.

Referências

  1. Daniel Estulin, A Verdadeira História do Clube Bilderberg. Editorial Planeta, 2005;

  2. Cristina Martín Jiménez, “O Clube Secreto dos Poderosos – Os Planos Ocultos de Bilderberg” – Entrevista no Programa “Contracapa”, 09 de fevereiro de 2015;

  3. Revista Trópico, revistatropico.com.br .

1 Comentário

  1. […] Governo Oculto Mundial (http://www.corpusiuris.org/index.php/o-clube-de-bilderberg/), submundo do crime organizado bilionário internacional, está à frente (no controle) de todo o […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: