A APROXIMAÇÃO ENTRE BRASIL E EUA – O Globalismo e o Socialismo
06/11/2018
Dividir “Posse do Porte”
26/11/2018

 

A Educação Marxista no Brasil precisa acabar!

A educação está sendo completamente distorcida nas escolas e universidades, que estão doutrinando e formando futuros militantes de Esquerda, que sustentam a Guerra de Classes (Rico x Pobre, Negro x Branco, Homem x Mulher, Filhos x Pais, etc). Algumas das estratégias são a introdução de Ideologias Marxistas (como a Ideologia de Gênero), a retirada da meritocracia, da hierarquia, do respeito, a indução à descrença religiosa e a edificação do materialismo.

Existem professores de História treinados para distorcer a realidade aos jovens estudantes. Estes professores são formados por agentes desta Ideologia Marxista, que é financiada pelos “Barões do Mundo”.

Assim, chega o professor e diz:

A corrupção já é sistêmica na sociedade. Você tira vantagem daquela banana que veio a mais na feira, você conta 12, mas na verdade leva 14.”

O que ele quis dizer? Ele quis dizer que a corrupção vem do berço, mas na verdade oculta os criminosos que dão os maus exemplos. Porém, o exemplo está na própria escola, ele é o professor, por que ele não está lutando para dignificar a escola, para realmente fazer uma revolução educacional no propósito meritocrata?

Ele está falando do defeito do ser humano, mas não está querendo corrigi-lo, essa é a questão básica, pois é espiritual. Falar do defeito que a coletividade pratica é uma coisa; você falar como eliminar este defeito, é ser de fato Revolucionário da Consciência.

Por que esse ponto não é abordado? Por que não se ensina a Revolução da Consciência nas escolas? Obviamente, porque os esquerdopatas infiltrados como professores são agentes duplos.

E o que eles querem?

Que exista uma população “abestalhada” e totalmente sem controle, para que se possa vir com a força e controlar todos. Não querem intelectuais, não querem pessoas que tenham estudado, que saibam da verdade. Querem idiotas, quanto mais idiotas melhor para poder enganar e iludir.

Por isso que as leis do País são facilmente aceitas pela população. É uma população covarde, que não sabe lutar, amedrontada e com fobias. Cada vez que um político solta um “mete-medo”, a população cria uma nova fobia. Como por exemplo, o desarmamento ou as armas: pessoas têm fobias por armas, a arma pode estar lá longe e dizem: “Nossa! Armas matam!

Esse tipo de investimento para distorcer a verdade é financiado internacionalmente, para idiotizar toda a população. Para isso, George Soros tem investido em universidades, como por exemplo, o projeto “Alerta Democrático”, que recebeu 612 mil dólares, em 2014, da Open Society Foundation. O deputado federal e ex-BBB Jean Wyllys compõe a equipe, que promove a mudança de comportamentos na sociedade, pela ação direta do Estado através do MEC, introduzindo a Ideologia de Gênero nas escolas e universidades.

Levantem-se!

Adsumus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: